sexta-feira, 29 de junho de 2012

A IMPORTÂNCIA DE CONHECER A DEUS


Alguém já se perguntou sobre a importância de conhecer a Deus? Achamos tão importante conhecer outras coisas que nos esquecemos do principal. Aquele que fez os céus e a terra, aquele que nos redimiu dos nossos pecados com seu sangue precioso. E mudamos a ordem das coisas que é buscar primeiro o Reino de Deus e Sua Justiça. Meus queridos, sempre quando ministro a palavra de Deus falo da importância de buscar a Deus, saber quem é Deus, qual Sua vontade sobre nossas vidas e seu maravilhoso plano de salvação. As coisas seculares tomam muito espaço em nossas vidas e nos afastam de Deus. Só saberemos a vontade de nosso Senhor se o conhecermos e muito bem e esse é o desejo de Deus “Os 6.3 - Então conheçamos, e prossigamos em conhecer ao Senhor; a sua saída, como a alva, é certa; e ele a nós virá como a chuva, como chuva serôdia que rega a terra”. Para que algumas pessoas que iniciam sua caminha com Jesus e para aqueles que não compreenderam o tamanho do poder de Deus, quero expor algumas coisas para que ninguém venha a se decepcionar com Deus. 

(1) - O que conhecemos de Deus é de forma parcial, não nos é revelado tudo, pois ainda somos carne e Deus é Espírito, mas um dia teremos a plenitude do conhecimento de Deus ao nosso alcance (1Co 13.9,10) Porque, em parte, conhecemos, e em parte profetizamos; Mas, quando vier o que é perfeito, então o que o é em parte será aniquilado. (2) - Só podemos conhecer o que Deus quiser nos revelar, aliás, apenas aquilo que em nossa limitação humana podemos compreender (Rm 1.19) - Porquanto o que de Deus se pode conhecer neles se manifesta, porque Deus lho manifestou. 
(3) – Muitíssimas coisas de Deus, que nem podemos enumerar estão literalmente fora da compreensão humana (Sl 139.6) Tal ciência é para mim maravilhosíssima; tão alta que não a posso atingir. (4) – O conhecimento de Deus é infinito e por causa disso nos é dado a incumbência de conhecer e prosseguir em conhecer a Deus (Os 6.3). Por isso meus queridos, temos limitações e sabemos aquilo que devemos saber, dentro da nossa limitação e naquilo que Deus quer nos revelar, logo, não se decepcione com Deus caso não consiga compreender alguma coisa, só por que não compreendemos não significa que é uma heresia, não exista ou não seja uma verdade, ao contrário, devemos viver conforme a medida da fé que nos é dada (Rm 12.3) Porque pela graça que me é dada, digo a cada um dentre vós que não pense de si mesmo além do que convém; antes, pense com moderação, conforme a medida da  que Deus repartiu a cada um. 

Visto esses princípios que devem nos firmar na fé, aprendamos agora como podemos conhecer a Deus. Existem algumas formas que nos é dada para entrarmos na presença do Senhor, conhecer seu maravilhoso plano e o que ele deseja de nós. (AS ESCRITURAS) – Se atentarmos para o Salmo 119, veremos como o salmista destaca a importância de amar a palavra, estudá-la e o meditar de contínuo nela. Jesus destacou essa importância (Jo 5.39) Examinais as Escrituras, porque vós cuidais ter nelas a vida eterna, e são elas que de mim testificam. Se as escrituras não fossem tão importantes, por que Jesus e Paulo pregaram tanto? (ORAÇÃO(Pv 2.3-5) Se clamares por conhecimento, e por inteligência alçares a tua voz, Se como a prata a buscares e como a tesouros escondidos a procurares, Então entenderás o temor do Senhor, e acharás o conhecimento de Deus. Deus pode falar com o homem de infinitas maneiras, mas nós só chegamos a Deus através da oração. Sem oração, sem comunhão. Sem oração, sem poder, sem intimidade com o Senhor. (ESPÍRITO SANTO) – (1Co 2.10) Mas Deus no-las revelou pelo seu Espírito; porque o Espírito penetra todas as coisas, ainda as profundezas de Deus. Através das revelações do Espírito Santo podemos conhecer profundamente Deus. Ele tem o conhecimento das profundezas de Deus e se tivermos comunhão com o Espírito, Ele pode nos revelar o que nos é incompreensível. (AS TRIBULAÇÕES – NOSSAS EXPERIÊNCIAS(2Tm 3.10,11) Tu, porém, tens seguido a minha doutrina, modo de viver, intenção, fé, longanimidade, amor, paciência, Perseguições e aflições tais quais me aconteceram em Antioquia, em Icônio, e em Listra; quantas perseguições sofri, e o Senhor de todas me livrou. Quem não se aproximou mais de Deus nas dores e tristezas? Deus sabe que por meio do sofrimento do homem consegue um coração quebrantando. E conseqüentemente isso nos molda o caráter, a personalidade, nos traz experiência, paciência e esperança. Por essa razão meus amados, amemos a palavra de Deus, não por palavras, mas por obras, buscando conhecimento no Senhor que nos farão livrar-se das astutas ciladas do diabo e trarão o reino de Deus mais próximo de nós. Trarão o conhecimento do Senhor em nossas vidas que concerteza, agradarão o coração do Senhor.

4 comentários:

Matheus disse...

Amém! Palavra esclarecedora, Deus lhe abençoe!

Anônimo disse...

Amem.Gloria a Deus ele é tremendo. Toda honra e gloria pertence somente a ti Senhor Jeus. QE continue a usar tremendamente os teus filhos, não para nos vangloriarmos, mas para que o teu nome seja exaltado... Qe o Senhor abençoe o teu filho(a), qe o usate tremendamente para fazer este blogue e tambem aquelas pessoas que passarem por aqui. Creio que tambem serão abençoadas (os) por ti. Graça e paz amados......

Anônimo disse...

Essa palavra é vida e vida abundante. Gloria a Deus.

jozellya Dias disse...

Linda mensagem de fe e de nos alertar a ter mais experiência com DEUS.

Postar um comentário